Crónicas de uma Leitora: Notícia | Poesia Livre | Homenagem a Manuel Alegre

quinta-feira, 23 de março de 2017

Notícia | Poesia Livre | Homenagem a Manuel Alegre

A mostrar Cartaz Poesia Livre.jpg
O poeta Manuel Alegre é o grande homenageado da 14.ª Edição de Poesia Livre, iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Santo Tirso, que teve início no passado dia 11 e se prolonga até ao próximo domingo. Ao longo destes dias, subordinadas ao tema “E o Grito se fez Verbo”, foram e serão desenvolvidas cerca de cinco dezenas de actividades, nas quais se envolveram as Escolas, as Associações Culturais e a comunidade em geral, que foram desafiadas pela autarquia local a ler e a falar da Poesia de o autor de O Canto e as Armas, cuja edição definitiva, que assina os 50 anos da primeira edição, com prefácio de Mário Cláudio, acaba de ser publicada pela Dom Quixote.

No passado dia 21Dia Mundial da Poesia, nos transportes públicos da zona norte, os passageiros foram surpreendidos, durante a viagem, com a leitura de vários poemas de Manuel Alegre, que estará presente, sexta-feira e sábado, emSanto Tirso. Já na sexta-feira, dia 24, a partir das 17h00, o Poeta visita a Escola Básica da Ponte, onde se realizará um debate com os alunos em que se irá discutir a forma como a Poesia da voz à cidadania. Nesse mesmo dia, às 21h00,Manuel Alegre participa numa noite de Poesia e Música, na Escola Secundária Tomaz Pelayo, para onde estão projectadas declamações de poesia pelos alunos de todos os ciclos do Agrupamento de Escolas da cidade.
A visita de Manuel Alegre a Santo Tirso termina na noite de sábado, dia 25, com uma sessão solene em sua homenagem, nos Paços do Concelho, durante a qual o Professor Doutor José Ribeiro Ferreira, Catedrático da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, falará sobre a vida e obra do poeta aguedense. O evento será marcado por vários momentos musicais, apresentações teatrais e leituras de poemas, todos protagonizados pela comunidade daquele Município.
Manuel Alegre de Melo Duarte nasceu a 12 de Maio de 1936 em Águeda. Estudou em Lisboa, no Porto e na Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. Foi campeão nacional de natação e actor do Teatro Universitário de Coimbra (TEUC). Em 1961 é mobilizado para Angola. Preso pela PIDE, passa seis meses na Fortaleza de S. Paulo, em Luanda, onde escreve grande parte dos poemas do seu primeiro livro, Praça da Canção. Em Outubro de 1964 é eleito membro do comité nacional da Frente Patriótica de Libertação Nacional e passa a trabalhar em Argel, na emissora Voz da Liberdade. Regressa a Portugal após o 25 de Abril de 1974. Dirigente histórico do Partido Socialista desde 1974, foi vice-presidente da Assembleia da República, de 1995 a 2009, e membro do Conselho de Estado. A sua vasta obra literária, que inclui o romance, o conto, o ensaio, mas sobretudo a poesia, tem sido amplamente difundida e aclamada. Foram-lhe atribuídos os mais distintos prémios literários. 

Sem comentários:

Enviar um comentário