Crónicas de uma Leitora: Último Amor | Nora Roberts | Saída de Emergência | Opinião

quarta-feira, 22 de março de 2017

Último Amor | Nora Roberts | Saída de Emergência | Opinião





Último Amor
Nora Roberts 
Título Original: The Last Boyfriend
Tradução: Isabel C. Penteado
Editora: Chá das Cinco
352 páginas










2º Volume da Trilogia Hotel das Recordações 

Owen é o gestor do clã Montgomery e dirige o negócio de família com uma mão de ferro e uma folha de cálculo inflexível. E embora os seus irmãos passem a vida a repreendê-lo pela gestão obsessiva, a verdade é que o Hotel Boonsboro está prestes a ser inaugurado na data prevista. A única coisa que não foi planeada por Owen chama-se… Avery MacTavish.
A popular pizaria de Avery é mesmo do outro lado da rua, o que lhe permite ser testemunha da fantástica renovação do hotel – e apreciar o trabalho admirável de Owen. O facto de ele ter sido o seu primeiro namorado na adolescência só torna a situação mais interessante. Sem saber como, sente uma nova atração nada inocente a despertar por ele.
À medida que Avery e Owen iniciam um novo patamar na sua relação, a inauguração do hotel é pretexto para toda a cidade entrar em celebração. Mas o trabalho de Owen está longe de terminado.
Avery tão cedo não irá baixar a guarda, nem perceber que o seu primeiro amor poderá bem ser o último…


Neste segundo livro, continua a renascer das "cinzas" o pequeno hotel Boonsboro. Ao mesmo tempo que o hotel é reabilitado, vemos mais um casal nascer, assim como o pequeno "fantasma" continua a fazer das dele ou dela.
Owen e Avery conhecem-se desde sempre, cresceram juntos e podemos dizer trocaram o primeiro beijo inocente da sua juventude, porém há algo que marca a vida de Avery e é contra isso que Owen tem que lutar.

Owen é o cérebro, o homem dos pormenores e das situações chatas, forte, justo leal, faz de tudo para conseguir a pessoa que no fundo pensava que era só a sua melhor amiga, mas que ao pouco tornou-se mais que isso. Adora a relação destes três irmãos, assim como adoro a relação que eles têem com a mãe, e o Owen teve situações deveras engraçadas e embaraçosas com a mãe, situações que me fizeram dar umas gargalhadas! Adorei!
Avery é uma mulher que foi criada pelo seu pai, e que abriu por conta e risco a sua pizzaria. É uma mulher forte, vibrante mas que no fundo tem as suas inseguranças por conta de algo que se passou ainda em criança. Adora o seu negócio mas quer mais... Algo que também gosto bastante é a dinâmica entre as três amigas!

Gosto bastantes das trilogias e das séries da Nora Roberts, não há nada que mais me agrade, que saber o que acontece com as personagens dos livros anteriores, gosto mesmo!
Resumo, mais um livro maravilhoso da autora, mais uma série fofa, mais um livro que nos parece um bombom! Recomendo a sua leitura!

Boas leituras!


Exemplar gentilmente cedido pela editora em troca de opinião honesta

Sem comentários:

Enviar um comentário