Crónicas de uma Leitora: Para fãs de Switched at Birth | Recomendações

domingo, 23 de abril de 2017

Para fãs de Switched at Birth | Recomendações

Resultado de imagem

Terminou recentemente a série, da Freeform, Switched at Birth (Trocadas à Nascença em Portugal). Com um total de 5 temporadas, fala-nos de duas adolescentes (Vanessa Marano e Katie Leclerc) que foram trocadas na maternidade e da luta das duas famílias para encontrarem uma solução viável.

Com temas como American sign language, surdez, sindrome de Down, violação, racismo e xenofobia, entre outros Switched at Birth começou a ser exibido a 6 de junho de 2011 e contou com um total de 93 episódios.

Os fãs da série já se mostraram desolados com o final da mesma mas nós aqui achamos que o que eles realmente precisam é de algumas sugestões para partirem para outra.



Resultado de imagem


Stef e Lena formam uma família multirracial com dois filhos adoptivos e um biológico. O casal acolhe temporariamente a jovem Callie, mas seu comportamento causa dúvidas sobre uma possível adopção.



Imagem relacionada

A série segue a família DiMeo, cada um com uma personalidade única: Maya, uma mãe britânica com uma atitude sem barreiras; Jimmy, um marido que não se importa com o que os outros pensam; Dylan, a filha atlética e não-absurda; Ray, o filho do meio que age como o "cérebro" na família; E o filho mais velho, JJ - um estudante de alto nível com paralisia cerebral que tem um humor penetrante e senso de humor. Os DiMeos mudam-se frequentemente numa tentativa de encontrar um ambiente educacional bom para JJ e acreditam que encontraram uma boa opção quando descobrem uma escola que se orgulha sobre ser inclusiva, embora eles rapidamente descubram que nem tudo é tão bom quanto poderia ser.



Resultado de imagem





O drama explora como a gravidez adolescente afeta a vida de família e amigos. Amy descobre que está grávida depois de uma aventura e precisa enfrentar uma série de desafios que mudam sua vida.








Resultado de imagemA série gira em torno da adolescente Lux (Britt Robertson) que passou por casas de adoções durante quase toda a sua Infância. Cate Cassidy (Shiri Appleby) tinha dado à luz ainda era uma adolescente deixando a bebé numa casa de adoção acreditando que ela teria melhores condições de vida com quem a adotasse. Provavelmente por causa de um problema no coração, Lux acaba por nunca ser adotada e aos 16 anos decide que é hora de se emancipar, mas antes disso ocorrer, ela tem que conseguir a assinatura de seus pais biológicos.







1 comentário:

  1. Vou ver se começo a ver The Fosters !
    Amei imenso ver as trocadas à nascença :)

    Beijinhos ♡ O Olhar da Marina

    ResponderEliminar