Crónicas de uma Leitora: Maio 2017

quarta-feira, 31 de maio de 2017

Cinema | A Montanha Entre Nós | Trailer

Sem comentários:
A MONTANHA ENTRE NÓS
  


SOBRE O FILME:
  
Após um trágico acidente de avião, dois estranhos terão que se unir para sobreviver em condições atmosféricas extremas numa remota montanha.
Quando percebem que a ajuda não vai chegar, decidem embarcar numa viagem assustadora por centenas de quilómetros de terra selvagem, encorajando-se mutuamente para aguentar e abrindo espaço para uma atração inesperada.

Realizado pelo Nomeado para o Óscar da Academia Hany Abu-Asad e interpretado pela Vencedora do Óscar da Academia Kate Winslet e o vencedor do Globo de Ouro Idris Elba.

Literatura | 'Ameaça entre as Sombras' de Linda Howard | Novidade

Sem comentários:
AMEAÇA ENTRE ASSOMBRAS
de
LINDA HOWARD



Dia 1 de junho chega às livrarias portuguesas o novo título de Linda Howard:
Ameaça entre as Sombras.

Autora Best Seller do The New York Times, Linda Howard traz-nos uma trama repleta de jogos de poder e sedução, envoltos num mistério viciante. Ameaça entre as Sombras devolve-nos a habilidade narrativa incomparável da autora, num suspense romântico envolvente e estonteante.



 No dia 1 de junho de 2017 a HarperCollins lança em Portugal o novo título de Linda Howard, Ameaça Entre as Sombras.


LINDA HOWARD é uma autora premiada de numerosos best sellers do The New York Times e do USA Today. incluindo os mais recentes Amando uma MulherSegundas OportunidadesAmanhecer ContigoEm Mundos DistintosPaixões CensuráveisPrazeres OcultosEntre a Lealdade e o Amor e Para Quase Sempre.
Vive em Gadsden, no Alabama, com o marido e dois golden retrievers.

   Em Ameaça Entre as Sombras, Linda Howard – a rainha do suspense romântico – traz-nos novamente uma leitura repleta de sensualidade e poder, que funde sexo quente, impacto emocional e uma tensão cativante.

terça-feira, 30 de maio de 2017

Beleza | Favoritos de Maio

Sem comentários:
Estamos achegar ao fim do mês e vem aí Junho: praia, sol, bom tempo, pele iluminada e perfeita, muitas sardas e aqui deixo-vos o meu top 3 de produtos que amei durante este mês.

Avon True Nutra Effects Miracle Glow Lightweight Facial Oil
PVP: 18€ - 7.90€ preço de catálogo



Eu paguei 18€ por ele, mas sinceramente acho que vale imenso os quase 8€ e vamos lá ver o que a AVON diz sobre ele:

Óleo hidratante de consistência leve para uma absorção rápida sem traços desagradáveis de oleosidade na pele. O rosto fica com uma aparência radiosa e verdadeiramente hidratado e reparado. Adequado a todos os tipos de pele, até mesmo as mais sensíveis ou oleosas. Os 5 óleos e vitaminas presentes na sua fórmula única juntam-se para revelar o melhor da natureza no seu rosto.

A pele fica nutrida e restaurada com apenas 2 gotas.

· Não gorduroso
· Absorção rápida
· Adequado também a pele oleosa

Há coisas que não concordo, como por exemplo o adequado a pele oleosa... uhm eu tenho pele seca e 3 gotas fico a parecer óleo fula por isso nem quero imaginar quem tem pele oleosa. No entanto acho que é bastante eficaz para peles mistas/normais/sensíveis e secas. Sinto a minha pele fantástica e hidratada sempre que uso.

Adoro principalmente meter 3 gotas (duas nas bochechas e uma na testa) e depois misturar com o meu creme de noite super gordo! Posso parecer uma personagem do Wizard of Oz mas ao menos estou hidratada!


Prime And Fine Make Up Transformer Drops Lightening
PVP: 3.99€ - Maquillalia



Transformação Individual. 
A maquilhagem pode estar alinhada com as necessidades da pele, graças à textura líquida de pigmentação elevada: Lightening Drops clareiam a textura da base, enquanto as Darkening Drops tornam-na mais escura. 
Estas gotas permitem que personalize qualquer base.

Vamos todos dar graças por este milagre que é: uma marca drugstore ter lançado um dupe às gotas da BodyShop! Amen, sisters & brothers! Amen! As gotas são tudo de bom EXCEPTO se tiverem um undertone rosa. Explico: estas gotas ao contrário da BodyShop e as gotas da Makeup Revolution não são brancas mas sim em tom creme, ou seja dá para pegar em bases com tom rosado e mudar para neutro (yas!!) mas quem só quer mesmo colocar a base mais clara com undertone rosa, isto não funciona. Ainda assim se tiverem undertone neutro ou amarelo (como eu) estas gotas são tudo de bom: práticas, não mexem com a cobertura e bastante em conta.


Makeup Revolution Skin Kiss Ice Kiss
PVP 6.49€ - Maquillalia



O meu Baked Highlight estava a chegar aos 3 anos de validade (e o máximo era 2 anos *cough*) por isso quando vi que a MUR lançou iluminadores novos tipo Jeffree Star fui a correr comprar! Já estou habituada à Makeup revolution e à sua qualidade. Adoro a marca, é a melhor relação qualidade/preço e este iluminador é vida! Dura o dia todo, é potente e fica bem no meu tom de pele pálido.

Cinema | Estreias da Semana

Sem comentários:
Para ver Trailer TOQUE na Imagem
Capitão Cuecas - O Filme

M6
Título Original: Captain Underpants
Realizador: David Soren
Com: Sabri Lucas, Quimbé, Eduardo Frazão, César Mourão, Jorge Mourato
Género: Animação
País: EUA
Ano: 2016
Duração: 89 min.

Sinopse:
Desde que se conhecem como gente que George e Harold são amigos inseparáveis. Apaixonados por banda desenhada, criam um personagem chamado Capitão Cuecas, um corajoso super-herói possuidor de cuecas elásticas que o tornam capaz de enfrentar os vilões mais aterrorizantes. Na escola, o duo é já conhecido pelas suas diabruras e consequentes idas ao gabinete de Benjamin "Benny" Krupp, o irascível director que sente diminuir os seus níveis de paciência a cada dia que passa. Num desses dias, Benny usa a sua última cartada educacional: colocá-los em turmas separadas! Em pânico, George e Harold resolvem hipnotizá-lo e transformam-no num Capitão Cuecas de carne e osso. Agora, com o director vestido apenas com roupa interior e completamente empenhado em acabar com a maldade do mundo, os dois amigos têm de arranjar um modo de reverter o processo antes que seja demasiado tarde.



O Conto dos Crisântemos Tardios

M12
Título Original: Zangiku Monogatari
Realizador: Kenji Mizoguchi
Com: Gonjurô Kawarazaki, Kakuko Mori, Kôkichi Takada, Shôtarô Hanayagi
Género: Drama
País: Japão
Ano: 1939
Duração: 142 min.

Sinopse:
Com a ascensão do Nacionalismo ao poder, os filmes que mergulhassem nas tradições japonesas e, de um modo ou de outro, privilegiassem valores nacionalistas, eram incentivados. Mizoguchi recebeu um prémio do Ministério da Cultura japonês por este filme, reflexão sobre as tradições (ancorada no teatro kabuki) e sobre os sacrifícios dos indivíduos em prol da comunidade e da arte. Mas é precisamente o olhar de Mizoguchi sobre esses sacrifícios, sustentado numa ''mise en scène'' subtilíssima, que faz de Zangiku Monogatari uma obra muito mais ambígua, onde o ''nacionalismo'' é um valor em permanente questionamento.


David Lynch: The Art Life - A Vida Arte

Título Original: David Lynch: The Art Life
De: Jon Nguyen, Olivia Neergaard-Holm, Rick Barnes
Género: Documentário
País: Dinamarca, EUA
Ano: 2016
Duração: 88 min.

Sinopse:
Com imagens de arquivo e entrevistas realizadas ao longo de vários anos, os realizadores Jon Nguyen, Rick Barnes e Olivia Neergaard-Holm levam o espectador numa "viagem íntima" ao universo de David Lynch, um dos mais icónicos artistas da sua geração. O seu percurso pessoal e profissional, desde a infância em Missoula (no Estado norte-americano do Montana) às ruas de Filadélfia, onde frequentou a Academia de Belas Artes da Pensilvânia, ou, um pouco mais tarde, a Los Angeles, onde iniciou a carreira cinematográfica. Dedicada à filha Lula Boginia Lynch (nascida em Agosto de 2012, aquando do início das rodagens), esta obra anuncia-se como uma "memória privada" que vai revelando alguns momentos cruciais que fundamentam o estilo peculiar de Lynch nas suas diversas vertentes, enquanto artista visual e músico, mas muito particularmente enquanto autor de algumas das mais importantes obras da história do cinema: "Eraserhead - No Céu Tudo É Perfeito" (1977), "O Homem Elefante" (1980), "Duna" (1984), "Veludo Azul" (1986), "Estrada Perdida" (1997), "Mulholland Drive" (2001) e "Inland Empire" (2006), entre outras, sem esquecer a série televisiva "Twin Peaks", um sucesso da década de 1990 que em 2017 regressou para a segunda temporada, com a acção a decorrer 25 anos após os eventos relatados na primeira.



Título Original: The Secret Scripture
Realizador: Jim Sheridan
Com: Rooney Mara, Eric Bana, Theo James
Género: Drama
País: Irlanda
Ano: 2017
Duração: 109 min.

Sinopse:
Há mais de meio século que Roseanne McNulty se encontra internada num hospital psiquiátrico. Agora que o local está prestes a ser encerrado, Dr. Grene, o chefe de psiquiatria, tenta perceber se a transfere para outra instituição ou se lhe dá alta médica. Ao procurar compreender as razões que a levaram ali, descobre que ela conserva consigo um manuscrito onde relata a sua história. Nele, Roseanne descreve uma infância traumática, um amor impossível e a vingança cruel de um sacerdote por causa de uma paixão não correspondida...


Festa em Gion

Título Original: Gion Bayashi
Realizador: Kenji Mizoguchi, Matsutarô Kawaguchi
Com: Ayako Wakao, Michiyo Kogure, Seizaburo Kawazu
Género: Drama
País: Japão
Ano: 1953
Duração: 85 min.

Sinopse:
Depois de uma série de filmes de época, Mizoguchi voltava aqui à representação do Japão contemporâneo, num filme que pode ser aproximado de "Gion no Shimai", de 1936. Argumento de Yoshikata Yoda com base num romance de Matsutaro Kawaguchi (amigo de infância de Mizoguchi), para um filme que o Japão acolheu com muita frieza, mas que é um dos cumes da arte de Mizoguchi, de uma pasmosa crueldade e secura. Texto: Cinemateca Portuguesa



M14
Título Original: Felicité
Realizador: Alain Gomis
Com: Véro Tshanda Beya Mputu, Gaetan Claudia, Papi Mpaka
Género: Drama
País: França, Bélgica, Senegal, Alemanha, Líbano
Ano: 2017
Duração: 118 min.

Sinopse:
A viver na cidade de Kinshasa (República Democrática do Congo), Félicité esforça-se por criar Samo, o filho de 16 anos. Os dois sobrevivem do pouco dinheiro que ela consegue obter cantando em bares. Um dia, Samo sofre um acidente grave e é internado no hospital. Para que possa ser operado, exigem-lhe uma grande quantia de dinheiro. Sem recursos de que possa dispor de imediato, Félicité vasculha a cidade em busca de amigos, conhecidos e desconhecidos que a possam ajudar a salvar a vida do filho…



Título Original: Wonder Woman
Realizador: Patty Jenkins
Com: Gal Gadot, Robin Wright, Chris Pine
Género: Ação, Aventura
País: EUA
Ano: 2017
Duração: 141 min.

Sinopse:
Themyscira é uma ilha paradisíaca onde nasceu Diana, filha única de Hippolyta, rainha de uma tribo de amazonas. Com poderes sobre-humanos, desde criança que foi protegida do mundo exterior e treinada para ser uma guerreira imbatível. Quando conhece Steve, um piloto norte-americano cuja avioneta se despenha na ilha, percebe que, enquanto ela e a sua tribo vivem pacificamente na ilha, o resto do mundo está mergulhado num conflito global que parece não ter fim. É então que percebe que os seus superpoderes podem ser usados na luta contra o mal. Apesar da relutância da rainha em que ela abandone o reino para combater forças desconhecidas, Diana sabe que é chegado o momento de cumprir o seu destino, usando todas as suas forças para ajudar a terminar a guerra.


Mulholland Drive

M16
Título Original: Mulholland Dr.
Realizador: David Lynch
Com: Justin Theroux, Laura Harring, Naomi Watts, Robert Forster
Género: Drama, Thriller
País: EUA, França
Ano: 2001
Duração: 129 min.

Sinopse:
Depois de "Uma História Simples", David Lynch regressa ao seu mundo enigmático com "Mulholland Drive", um filme de que disse apenas ser uma história de amor na cidade dos sonhos. Há duas raparigas. Betty - a loira - é uma aspirante a actriz que chega deslumbrada a Los Angeles, a terra de todas as oportunidades e todos os sonhos. A outra é morena, transborda sensualidade, ficou amnésica depois de um acidente de carro e diz que se chama Rita porque viu o nome num cartaz do célebre filme "Gilda" com Rita Hayworth. Há também um realizador a quem a Mafia de Hollywood quer impor uma actriz principal para o seu filme, e ainda um "cowboy", um teatro chamado "Silencio" onde uma voz canta uma versão do "Crying" em espanhol, uma mala cheia de dinheiro e uma misteriosa caixa azul.
O cruzamento de todos estes universos é "Mulholland Drive", um ensaio sobre a dualidade do real/irreal num filme em que todos os personagens têm outra face.



Título Original: El Ciudadano Ilustre
Realizador: Mariano Cohn, Gastón Duprat
Com: Oscar Martínez, Dady Brieva, Andrea Frigerio, Manuel Vicente
Género: Comédia Dramática
País: Espanha, Argentina
Ano: 2016
Duração: 118 min.

Sinopse:
Escritor de renome, o arrogante Daniel Mantovani atingiu o momento mais alto da sua carreira ao ser agraciado com o Prémio Nobel da Literatura. A viver na Europa há quase quatro décadas, aceita um convite oficial para visitar Salas, a pequena povoação argentina que o viu nascer e que serviu de cenário a todas as suas obras. Mas, ao contrário de que seria de esperar, este cidadão ilustre vai ter algumas surpresas desagradáveis à sua espera.



O Intendente Sansho

Título Original: Sansho Dayu
Género: Drama
País: Japão
Ano: 1954
Duração: 88 min.

Sinopse:
A história de "Sansho Dayu" baseia-se numa velha lenda japonesa, contada de diversas maneiras (da literatura às canções populares) a partir do século XVI. O filme de Mizoguchi baseia-se na versão dessa lenda escrita pelo romancista Ogai Mori, em 1915. O argumentista Yoshikata Yoda explicou que a intenção era ''elevar uma lenda popular ao nível de um drama social'', o que Mizoguchi conseguiu elevando à elipse suprema uma e outra dessas origens. Um conto de fadas como origem da tragédia. Um dos filmes mais densos e misteriosos de Mizoguchi.



Twin Peaks: Os Últimos Sete Dias de Laura Palmer

Título Original: Twin Peaks: Fire Walk with Me
Realizador: David Lynch
Com: David Bowie, Miguel Ferrer, Sheryl Lee
Género: Drama
País: EUA, França
Ano: 1992
Duração: 135 min.

Sinopse:
O filme que se pretende como a "prequela" da famosa série de televisão de David Lynch, "Twin Peaks", onde se expõe o drama que levou à morte da jovem Laura Palmer, ponto de partida para aquela série. Um dos mais estranhos e surrealistas filmes do realizador.



Título Original: Mein Blind Date Mit Dem Leben
Realizador: Marc Rothemund
Com: Kostja Ullmann, Anna Maria Mühe, Ludger Pistor
Género: Comédia, Drama
País: Alemanha
Ano: 2017
Duração: 111 min.

Sinopse:
Apesar de ser quase completamente cego, Saliya evita a todo o custo deixar-se afundar no sentimento de inferioridade ou assumir-se como vítima. Por causa disso, sempre que possível oculta essa circunstância e age como se nada fosse. Certo dia, numa entrevista para uma vaga de emprego num hotel de luxo, esconde a sua incapacidade e é escolhido para um estágio. E é assim que, superando dificuldades com que alguém sem uma visão deficiente nunca teria de se preocupar, Saliya vai demonstrar que a sua força de vontade, aliada a uma rara capacidade de antecipação, é superior a qualquer limitação física. Mas tudo se complica quando ele, habituado a ter tudo sob controlo, se depara com a rapariga dos seus sonhos…

Nota: Pode haver alterações ou adiamento nas estreias da semana.

Fonte: Jornal Publico, Sapo Cinema e NOS Cinema

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Literatura | 'O Verão em que me apaixonei' de Jenny Han | Opinião

Sem comentários:
Resultado de imagem para o verão em que me apaixonei topseller
«Toda a minha vida era medida em verões. Como se não começasse efetivamente a viver enquanto não chegasse junho, até estar naquela praia, naquela casa.»

Tudo o que é bom e mágico acontece durante o verão, e é a sonhar com o verão que Belly, de 16 anos, passa os seus dias. Para ela, os invernos são insuportáveis e sinónimo de estar longe de Jeremiah e de Conrad, os rapazes que Belly conhece desde a sua primeira estadia na casa de praia. Eles são os seus quase-irmãos, os seus inseparáveis parceiros de aventuras.

Até que chega aquele verão - maravilhoso e ao mesmo tempo terrível - em que tudo muda. Estas poderão ser as últimas férias que passam todos juntos na casa de praia. Chegou o momento de perpetuar memórias, confessar paixões escondidas e, acima de tudo, é hora de, finalmente, Belly começar a obedecer ao seu coração.

Um romance com sabor a mar e a liberdade, sobre crescer e apaixonar-se, deixando-nos a desejar por mais.



 O Verão em que me Apaixonei foi a minha estreia com a autora Jenny Han e foi uma estreia bastante decente. O livro é dentro da mesma linha dos livros da série The Ladybirds da autora Jenny Mclachlan publicada pela Booksmile, é leve, sem grandes dramas com uma história simples.

A narrativa segue Belly que vive pelo e para o Verão, para os seus amigos Jeremiah e Conrad e a casa de praia dos pais destes, junto com o irmão da jovem os quatro vivem grandes aventuras desde muito pequenos. Sendo Belly a mais nova era constantemente alvo das tropelias dos rapazes mas não impediu que esta se apaixonasse por Conrad há vários anos. Este verão a jovem está na transição de 15 para 16 anos e começa finalmente a chamar a atenção dos rapazes da vila onde passam esta época do ano despertando paixões e ciúmes.

Não há muito mais a contar, não há, como disse, grandes dramas, é a história de adolescentes que passam o verão juntos. É tudo muito morno mas fofo q.b. e lê-se bastante depressa. É daqueles livros que aconselho quando não queremos pensar muito, não há reviravoltas surpreendentes nem nenhum ponto fulcral que defina uma alteração no curso da história.

Porém apesar da sua previsibilidade simplesmente adorei e acho uma excelente aposta para as adolescentes lerem este verão, certamente irão rever-se em algumas ações da protagonista. A escrita de Jenny Han é perfeita para o género, muito leve, muito teen, muito simples e absolutamente viciante. Quero mais Topseller, por favor e obrigada!




Exemplar gentilmente oferecido para opinião honesta

Literatura | Novidades da semana de 29 de Maio a 4 de Junho

Sem comentários:
Nas livrarias a 29 de Maio
   
  

  
   
 

Nas livrarias a 30 de Maio
   


Nas livrarias a 31 de Maio

Nas livrarias a 1 de Junho
  

Nas livrarias a 2 de Junho